Tratamento com pedras quentes

Tratamento com pedras quentes

O contato com a natureza pode trazer benefícios que nós mesmo não percebemos, e muitas vezes nem desconfiamos. A técnica de massagem com pedras é um conceito muito moderno, mas ao mesmo tempo é uma técnica muito antiga, existindo referências do seu uso no Egito Antigo e no Velho Testamento, mas sua regularização na Europa e nos EUA ocorreu a oito anos. No Brasil foi introduzida há dois anos por Ala Szerman. As pedras vulcânicas, plutônicas e sedimentares trazem herança energética de milhões ou bilhões de anos. Os tamanhos ou formatos são escolhidos de acordo com o local da aplicação, para que o encaixe seja o melhor possível no corpo. A massagem coloca pedras previamente aquecidas em contato suave com pontos energéticos do corpo, restabelecendo o fluxo de energia vital e trazendo um grande bem estar.

A terapia com as pedras é extremamente sedativa, pois aquece os músculos e promove um grande relaxamento, aliviando tensões e dores musculares persistentes. Segundo Szerman, o paciente entra no estado alfa, onde o cérebro fica praticamente desativado, levando a um relaxamento total, por isto a técnica é tão utilizada para quem sofre com os efeitos do estresse. As energias do tratamento são de natureza profunda, penetrante, agindo sobre músculos, tendões, ligamentos e órgãos.

O incremento na circulação e nas funções metabólicas é sensível, fazendo a aplicação da massagem com pedras uma ferramenta poderosa de auxílio aos tratamentos para perda de peso. A sinergia da massagem com pedras quentes e a termoterapia não se limitam a deslizamentos sobre os músculos. As manobras executadas permitem alcançar as terminações nervosas superficiais que comunicam ao sistema nervoso a energia positiva que equilibra a perfeita união do corpo e da mente. O relaxamento obtido atingirá níveis nunca antes experimentados.